UMA NOVA FRASE OU TROVA A CADA HORA CHEIA:

pensador.info

sexta-feira, 27 de janeiro de 2017

SIM, DINHEIRO É QUASE TUDO

BLOG O PLEBEU 
Pelo menos nessa vida única, dinheiro é quase tudo, sim senhor!...
Nos dias atuais, alguns ditados tentam sobreviver... para não matarem a sonhadora filosofia vã. Transmitem uma ilusão, confundem e distorcem a realidade.
Precisamos ser francos... dinheiro é comida, é roupa, é remédio, é diversão, é moradia, é carro, é status... é até igreja...!!
É shopping...! É beleza também...! Se bem que nesse caso... deixa pra lá.
Mas convenhamos: dinheiro transforma o feio em quase bonito, o gordo em fofinho (nossa! como você é forte!). O baixo em alto, porque o dinheiro hipnotiza, cega e rotula o comportamental. Muda a opinião, elimina o preconceito, rejuvenesce... em alguns casos chegam ao exagero de dizer que um ancião de 90 anos tem a disposição de um jovem de vinte... Um elogio desse custa muitos cifrões... depois chifrões virão...!... E mentem: “o amor é cego”.
Pobre diz que: “dinheiro não compra a saúde”... Mas nada compra a saúde...! Só que o dinheiro paga o melhor hospital... Não compra a saúde, mas pode curar a doença...!
Repetir: “dinheiro não traz felicidade”... é plagiar a raposa: “as uvas estão verdes”...
Ô dó... quanta felicidade jogada fora...!!
Pobre só não passa mais fome porque se alimenta de ilusão, enche a barriga de esperança... Acredita ainda em promessa de político...!
A mega sena é uma possibilidade real... Só assim ele viaja... Paris, Roma, Miami e acorda em...
Onde...?! ... Não...!!! ... Essa cidade é ruim, mas tem lá seus encantos...  poucos... mas tem.
Agora, convenhamos: tem rico besta...! Uma mula de carga... leva uma vida muito pior do que a do pobre... e se orgulha disso.
- “Mandei minha mulher passear em Paris... aliás ela vai rodar a Europa toda... e eu trabalharei um mês sossegado... ”
E tem aqueles que nem tiram férias. Outros não podem andar na rua. Nem correrem na praia. Nunca fizeram um churrasco com os amigos porque é coisa de pobre...!  Acham que vivem folgados em seus apartamentos de 2.000 metros quadrados...!
O pobre se vira num barraco de dois por dois... mas fazer um puxadinho pra que se ele tem toda a orla marítima e um imenso manguezal como quintal...?!  Imagina se tivesse dinheiro... estava trabalhando duro.

 Conclusão: podemos ser pobres ou ricos, se não soubermos viver, nos sentiremos uns miseráveis... em todos os sentidos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário